Amor Aeternus

Página 42 de 44 Anterior  1 ... 22 ... 41, 42, 43, 44  Seguinte

Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Ter Dez 04, 2018 8:19 pm

Kichirou parecia bem, era forte, bonito, estava bem vestido e rumando até a loja com uma bolsa no ombro.
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Ter Dez 04, 2018 8:22 pm

Kasuga começou a atravessar a rua e pensou em chamar por ele, mas sua voz nem saía direito. Ela tentou e tentou, até que conseguiu chamar seu nome alto suficiente.
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Ter Dez 04, 2018 8:43 pm

Quando Kichirou ouviu seu nome ele reconheceu a voz. Ficou parado pensado ter ouvido coisas, balançou a cabeça e iria seguir seu rumo.
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Ter Dez 04, 2018 9:29 pm

Ele a odeia tanto assim?! Kasuga deu passos mais para perto em suas botas de salto alto. Está usando um jeans escuro, uma blusa preta e um casaco por cima, azul escuro.

— Kichirou!

Ela disse de novo.

— Sou eu, Kasuga!
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Ter Dez 04, 2018 10:06 pm

Kichirou virou-se bastante surpreso. Sem saber o que dizer ou pensar, boquiaberto. O mundo parou de girar naquele instante. Ele estava em um sonho?
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Ter Dez 04, 2018 10:12 pm

Kasuga está com um visual padrão e facilmente reconhecível apesar do tempo que passou. Ela ficou olhando a reação dele sem entender se era uma boa ou má surpresa.

- Se você quiser eu vou embora, não tem problema.

Ela quebrou o silêncio com a testa franzida, tentando botar uma frente neutra, mas se perdendo em olhar para ele. Sentiu tanta saudade.
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Ter Dez 04, 2018 10:27 pm

– Kasuga…

Como ele deveria reagir? Ele não sabe.

– Quanto tempo…

O fim do relacionamento foi mt doloroso para ele.
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Ter Dez 04, 2018 10:35 pm

Ela encarou o chão ao escutar sua voz. Que pessoa horrível que é por ter machucado ele e que pessoa horrível que é por estar ali. levantou a cabeça de novo e olhou pare ele diretamente.

- Eu demorei demais pra me desculpar pela imbecilidade que eu fiz com você, mas eu realmente me arrependo do que fiz e sei que foi algo muito imaturo.

Não iria reverenciar ele porque nunca foi muito chegada nos costumes dali r estava fora já fazia muito tempo, mas foi sincera, com as duas mãos nos bolsos do casaco e uma óbvia dificuldade de escolher as palavras certas.

- Sinto muito que eu tenha falhado em reconhecer o peso dos meus atos mais cedo, Kichirou.
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Ter Dez 04, 2018 10:58 pm

Kasuga estava se desculpando, mas Kichirou passou muito tempo sofrendo com tudo pra simplesmente sorrir pra ela agora. Ele olhou pro chão, não sabia o que dizer.

– Você esteve longe muito tempo… Soube que veio aqui antes.

E não falou com ele.
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Qua Dez 05, 2018 9:35 am

Kasuga voltou a olhar pro chão também, mas pelo menos pensou que devia ser sincera.

- Eu estou morando em Londres, tenho um emprego lá, uma vida estável.

E longe do Japão, mas apesar disso ela não está feliz em Londres como não está feliz ali no Japão. Kasuga se acha uma mulher muito vazia.

- Eu estive aqui a negócios e pensei em falar com você, conversei com a sua irmã, mas fiquei com medo e fui embora.

E ainda por cima é covarde.
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Qua Dez 05, 2018 3:14 pm

Kichirou se sentia estranho. Não sabia bem como reagir a presença de Kasuga, o que lhe dizer, o que fazer. Quando terminaram, quando ela foi embora, o último contato fora uma situação péssima.

– Entendo.
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Qua Dez 05, 2018 3:22 pm

Depois de segundos que pareceram uma eternidade, Kasuga não conseguia mais suportar estar ali. É muito além do seu nível isso tudo.

- Que bom que você está bem.

Ela disse devagar e hesitante e tirou uma da smaos do bolso para olhar o horário. Não era tarde e ela não tinha compromisso algum.

- É melhor eu ir.

Disse desapontada com a situação toda, talvez um pouco aliviada por ter feito algo certo quanto a relações pessoais. Deu um triste suspiro e enfiou celular e mão no bolso de novo. Muito hesitante, a foi se virando para ir embora.

Negócios nada, ela só queria ver Kichirou mais uma vez.
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Qua Dez 05, 2018 3:35 pm

Kichirou não lidou tão bem assim com o término. Ele sentiu muito e ainda sente, mesmo que tivesse achado que fosse a melhor decisão, foi doloroso pra ele e inclusive foi incompreendido por ela.

– Eu te amei muito.

Ele disse enquanto ela ia embora.

– Foi bem díficil pra mim.

Enquanto um drama acontece na frente de uma das melhores lojas de doces artesanais de Kyoto, Eien viva seus próprios, engolindo-os com vinho. Fazia um bom tempo que ela não bebia, mas hoje estava especialmente bêbada. Em pouquissimo tempo tinha ingerido uma altissima quantidade de bebida alcoolica. As garrafas estavam espalhadas pelo quarto. Nela e ao redor há varias manchas… que aparentam ser sangue enquanto ela estava deitada olhando pro teto que estava se embaralhando.
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Qua Dez 05, 2018 3:53 pm

Ela parou para escutar ele ou talvez tenha parado de andar por causa do que ele disse. Sentiu as lagrimas quentes descendo pelo seu rosto e não se virou, não iria mostrar isso a ele. Ela se lembra que ele tinha uma espécie de complexo sobre dinheiro e a proteção dela. Takehiko podia fazer tudo e ele nada, algo nessa linha e ela se lembra que isso parecia quase atormentar ele e se lembra de ter dado um show destruindo seu carro. Sente vergonha e arrependimento. Depois disso ela voltou para Londres e se afundo em trabalho, subindo rapidamente até um cargo alto e agora lhe deram tempo para pensar sobre ser CEO de uma empresa de consultoria no Japão mesmo. Ela estava pensando e resolveu visitar o Japão para rever Kichirou e pelo menos fazer o certo, mas não existe trabalho suficiente para cobrir o seu coração, afinal, por mais que Kasuga discorde ela é sim humana, não um tipo de monstro. Ela respirou fundo o ar gelado ouvindo em sua mente que aquele homem tinha a amado. Tinha, amou, passado. O que ela poderia esperar? Queria pelo menos ir embora com alguma dignidade então não se viraria e tentaria ao máximo não deixar a voz fraquejar na frente dele.

- Eu...

Eu também te amei? Eu ainda te amo? Eu sinto muito? Nenhuma frase saia de sua boca, nada, só o início de alguma coisa de novo e de novo, ela engasgou em "eu..." algumas vezes e então desistiu. Nada faria diferença. Kichirou podia ver ela abaixando a cabeça e simplesmente desistindo, dizendo em meio a um alto suspiro apenas uma coisa:

- Eu...sei...

E seguindo na rua fria sem nem se atrever a tirar as mãos dos bolsos, sentindo um frio que não devia com tantas roupas quentes.

Quando Kusame e Gilbert encontraram Eien, ela receberia um turbilhão de perguntas dos dois sobre seu estado, se o sangue era dela, porque tanta bebida. Eles iriam se livrar das garrafas e verificar seu corpo para ferimentos, desesperados.
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Qua Dez 05, 2018 4:10 pm

Kichirou fitou seus sapatos como se fossem o único ponto para o qual podia olhar por um longo instante. Deixou-a ir e entrou na loja, não se sentindo feliz com o encontro. As lembranças do termino ainda lhe são dolorosas. Melhor trabalhar agora… tinha coisas a fazer na loja no fim do expediente.

Se Eien tinha ferimentos, já tinham sarado. Mas o cheiro não era sangue, pelo menos não cheiro de sangue humano. Ela não se importou muito com eles verificando seu corpo para saber se estava tudo bem, estava na lua, entre as estrelas, era difícil até reconhecer suas faces. Em um momento acariciou bastante o rosto de Gilbert, quase como se tentasse descobrir quem era pelo tato e quando descobriu sorriu e o abraçou lhe dando uma mordida dolorida no pescoço. - Não é doce. - Ela disse de maneira embolada e soltou ele dando passos para trás para então olhar Kusame. Sorriu para ele também e o abraçou, se esfregando nele, apertando, afagando e mordendo seu pescoço, de leve.

avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Qua Dez 05, 2018 8:19 pm

Seria isso um teste de resistência? Foi o que Kusame pensou enquanto Gilbert passava a mão no pescoço recitando o mantra do aiaiai.

— Eien, hey...hey, você parece inteira, que bom...

Gilbert foi indo para o banheiro pensando porque ele ganhou a mordida e kusame ganhou todo o resto. Ele iria preparar um banho para Eien.

— Que tal um banho agora?

Kusame dizia um pouco rindo e muito preocupado.

Kasuga procurou um hotel para reservar um quarto. Tudo do mais caro que o dinheiro pode pagar, claro, mas isso não fazia ela feliz. Estava num maravilhoso quarto, sozinha, com dor de cabeça de tanto chorar e a cara tão inchada que ela se considerou deformada. Sozinha...solitária. Tentou com outro cara uma vez antes de ir embora mesmo do Japão, chegou a ficar com ele um tempo em Londres, mas era totalmente sem sentimentos. Não era nem um caso de interesse no seu dinheiro, era só uma pessoa que aparentemente não sentia nada mesmo. Era estranho e nojento e ela se odiou por muito tempo por causa disso. Acabou subindo até o terraço do local, onde tem piscina e tudo mais e no máximo que podia chegar na beirada, ela ficou encarando a cidade lá fora, pensando que sua vida só faz diferença pros seus chefes e outras pessoas de uma empresa, que tornaram as habilidades dela em uma máquina de dinheiro infinito.
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Qua Dez 05, 2018 8:38 pm

Eien não estava resistindo a um banho, mas pareceu um pouco frustrada, parando o que estava fazendo. Ela iria para o banheiro se fosse conduzida para lá, ela cooperaria com um banho caso eles dessem. Não criou muito mais problemas durante esse momento, mas estava fora de si de fato e provavelmente faria outra coisa em algum momento.

Kichirou pensou em como teria sido a vida dele com Kasuga sem nenhum das coisas horriveis que aconteceram para com os dois. Ele queria ter sido feliz com ela.

Fujimura voltaria para seu apartamento a noite se perguntando se receberia outra visita de Maxinne. São sempre surpresas. Mas ele não pensou que fosse voltar a vê-la depois de tanto tempo.

avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Qua Dez 05, 2018 9:03 pm

Os meninos realmente parecem ter virado babás dela faz muito tempo. Sempre com uma coisa nova, causando problemas para si mesma, saindo por aí a bangu e deixando os dois preocupados. Eles iriam ficar de olho nela, mas não seriam rígidos e nem brigariam. Gilbert lavaria seus cabelos, Kusame ficaria com o resto, se ela não pode ficar limpa sozinha, mas principalmente os dois a ajudariam a ficar numa roupa confortável, mesmo podre de bêbada e limpa, mesmo podre de bêbada e os dois abraçariam ela, mesmo pobre de bêbada.

Kasuga só tinha que se agarrar a utilidade da sua existência, só isso...mas ela provavelmente não conseguiria ser CEO de porcaria nenhuma no Japão, apesar que não sente que possa recusar de verdade. Ficar ali fazia mal pra ela, era mais fácil evitar tudo isso se ficasse fora do Japão. Era mais fácil não ter esculhembado tudo com seu relacionamento.

Fujimura encontraria um apartamento sem Maxinne. Talvez ela aparecesse outra hora, qualquer uma delas.

Mitsuki pensou que devia encontrar Hideaki. Convidou ele para beber algo e comer um ramén depois do serviço. Seria bom dar uma volta um pouco.
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Qua Dez 05, 2018 9:54 pm

Engana-se quem acharia que Eien ficaria mais calma com o banho. Ela mal estava vestida foi dar em cima de Kusame. Imaginem o que quiser, a verdade é que ela não tinha uma escolha em mente, nem estava pensando. Lá estava ela, grudada nele, mordendo e beijando seu pescoço como bem queria, acariciando seu corpo com o seu próprio, imprensando-o contra a parede.

As nove da noite chegaram a casa de Hanako seus pais. Tocaram a campainha e esperaram para serem atendidos. Não estavam felizes e queriam ter uma conversa muito séria com Hanako e mesmo Tachibana, afinal estão juntos ,não é? A conversa era sobre Raiden e porque ela deu cobertura ao irmão.

Hideaki adoraria um ramen, ou dois… Quem sabe três, estava morto de fome.
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Qua Dez 05, 2018 9:58 pm

Tachibana estaria ali participando desse sermão por tabela, sem dar um pio claro.

Kusame achava difícil ficar ali sendo assediado. Será que foi por isso que ela bebeu tanto? Bom, o importante é que seu corpo não concorda com sua cabeça e está dando todas as luzes verdes para Eien. É muito difícil mesmo se controlar. Gilbert achava mesmo difícil ficar assistindo, ele queria estar no lugar de Kusame, mas deixaria os dois sozinhos enquanto Kusame testa o que podia fazer pelo corpo dela ou se só tinha que estar ali e não atrapalhar.
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Qua Dez 05, 2018 10:10 pm

Eien não tinha bebido para assediar ele, a resposta mais certa deve ser para simplesmente estar fora de si, não sentir nada, não lembrar de nada, não se importar com nada. Talvez não tivesse nem noção do que estava fazendo, só estava… A vontade dele não importava muito também. Ele sempre pode negar… Ela provavelmente insistiria com o outro ou com qualquer um. Não era amor, era indiferente.

A mãe de Hanako estava num nível de irritabilidade altissimo. Ela sequer deixava Hanako se explicar. Despejou um monte de verdades e censurou seus atos. Seu irmão não é responsável por si mesmo, não importa o quanto eles achem que são autossuficientes, ficar jogando videogame o dia todo e decidir caçar coisas que sequer tem experiencia para lidar não é nem de longe um ato que comprove responsabilidade. E ela queria muito ter entendido porque Hana nada disse, ou porque mesmo Tachibana, que quer estar com sua filha não falou nada. Hana não tinha desculpas, ela não ficou tentando se justificar. O pai de Hanako fazia colocações quando tinha espaço. Ele estava sério, mas não demonstrada tanta irritação quanto a mãe dos dois. Bom, eles sairam de dentro dela, ela tem o direito de se envolver em suas vidas e impedir que eles se matem em atos estúpidos sim! Foi uma conversa longa, ela provavelmente teve a mesma conversa com Takehiko algumas horas antes e agora era hora de ir buscar Raiden.
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Qua Dez 05, 2018 10:16 pm

Tachibana também não sabia porque ele tinha abafado esse caso já que Raiden é uma criança e pelo visto não uma muito inteligente, mas ele não disse nada e ouviu tudo.

Kusame não tinha nada disso fazia tanto tempo que ele nem sabia se era mais arriscado se permitir ou negar. No fim, seus instintos nojentos de homenzinho ganhariam, mesmo que não tenha nada a ver com amor aquele comportamento.

Hideaki deixou Mitsuki animada com a ideia de saírem, ela adora beber, comer e jogar papo fora, especialmente se for com ele.
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Qua Dez 05, 2018 10:27 pm

Quando Eien terminasse com Kusame, ela deixaria ele de lado e iria atrás de Gilbert, como se não estivesse muito satisfeita com o ato ou tivesse sido uma experiência ruim. Não falou nada, não se preocupou em por roupas também, talvez nem lembrasse. Mas Gilbert ela só queria afofar um pouco e cobrar sua dose diária de carinho… Ela passaria bastante tempo com ele até adormecer de fato, até lá ele estaria bastante ocupado.

Hanako parecia bastante chateada e frustrada depois da conversa. Seu pai lhe desejou boa noite, não passou a mão na sua cabeça, mas abraçou sua filha, já que estava com saudade, antes de ir pediu para ambos cuidarem bem um do outro e lá estava ele, cansado e indo buscar seu filho energúmeno. Raiden não cedeu facilmente, mesmo sem ter escolha. No fim do que foram duas horas de gritaria, ele estaria voltando para casa com eles.

Hideaki não bebeu, mas ele comeu bem até de mais. Conversaria tranquilamente com ela, sobre nada muito sério, depois eles poderiam ir para o hotel.
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lizi em Qui Dez 06, 2018 11:39 am

Kusame se sentiu pior ainda depois, se é que isso era mesmo possível. Talvez ele só estivesse na mesma merda, mas de qualquer forma isso o incomodou muito mais do que ele pensou e não conseguiria dormir.

Gilbert por outro lado está totalmente disponível para horas de carinho e ficaria com ela quando adormecesse, apenas observando e pensando que era bom estar na companhia dela, mesmo desse jeito.

Tachibana não sabia bem o motivo, mas se sentia exausto depois dessa conversa. O pai de Hanako parece um cara tranquilo e ele desejou boa noite aos dois educadamente, dando um longo suspiro e passando a mão nas costas de sua linda Hanako, oferecendo comida a ela, para acalmar as frustrações.

Felizmente a delatora de Raiden está bem longe tendo uma ótima noite com Hideaki, onde não bebeu demais e comeu o suficiente, adorando a companhia dele como sempre e batendo papos leves sobre trivialidades. Iria com ele para o hotel, apesar de não achar que ele poderia dar conta de algo mais na noite depois de comer tanto, mas ela também não se importa se for só ficar com ele.

Toshiaki havia retornado para sua casa durante a noite e passaria muito tempo enfiado em livros, anotações e tentando fabricar alguma coisa em seu "laboratório".
avatar
Lizi
Admin

Mensagens : 5676
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 28

http://aweternalinks.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Lih em Qui Dez 06, 2018 9:53 pm

19 de março de 2015, Quinta-Feira – Bye Bye Raiden

Raiden estaria de volta a sua residência antiga, com seus pais e por um tempo não ouviria-se mais falar dele.

Hanako não se animou, mas não queria conversar sobre isso, só esquecer o encontro desastroso com seus pais e seguir sua vida.

Hideaki estaria se dirigindo ao trabalho pela manhã depois de passar a noite com Mitsuki. Nada demais aconteceu, mas puderam aproveitar o tempo vendo um dos filmes que ela gosta.
avatar
Lih
Admin

Mensagens : 5645
Data de inscrição : 30/06/2014
Idade : 27

http://scarletrosescans.blogspot.com.br/

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Amor Aeternus

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 42 de 44 Anterior  1 ... 22 ... 41, 42, 43, 44  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum